8 Formas de Criar Renda Passiva com Pouco Dinheiro

Não é raro alguém que recebe todo mês aquele salário que paga as contas, mas, volta e meia, sente aquela vontade, quando não necessidade, de ter uma renda extra ou de ter mais liberdade para trabalhar como e de onde quiser.

Essa inquietação é perfeitamente normal. A solução está em investir em uma atividade que possa gerar uma renda passiva. Pensando nisso, separamos 8 dicas de fontes de renda extra que podem te fazer ganhar dinheiro hoje mesmo

O que é renda passiva

8 formas de criar renda passiva mensal com pouco dinheiro
8 formas de criar renda passiva mensal com pouco dinheiro

Renda passiva nada mais é a receita que você ganha “sem depender” diretamente de si mesmo. Um aposentado, por exemplo, recebe os benefícios, todo mês, sem estar trabalhando ativamente, como forma de “recompensa” por todos os anos que já trabalhou.

Um investidor que pensa no futuro também terá essa recompensa pelo esforço de trabalhar e poupar. Todavia, com a diferença de que terá uma recompensa do tamanho do esforço que de fato teve.

Mesmo que você ganhe um alto salário, tenha um negócio de muito sucesso ou já tenha herdado uma grande fortuna, é essencial aprender a investir e colocar o tempo a seu favor. Dito isso, nós, do site “Aplicação Financeira”, separamos alguns investimentos que podem gerar um fluxo mensal para você.

1 – Tesouro Direto

O primeiro exemplo é a forma mais fácil, simples e segura de se construir renda passiva com pouco dinheiro. Isso porque, para que você tenha sucesso, basta investir todo mês seu dinheiro em algum dos três tipos de títulos e carregá-los até o vencimento.

Foque no longo prazo. O objetivo é que você acumule uma quantia suficiente que rendam juros e paguem pelo seu estilo de vida através da renda passiva. O melhor de tudo é que com apenas R$ 30,00 você já pode começar a investir no Tesouro Direto.

2 – Fundos Imobiliários (FIIs)

Receber aluguéis mensais sem possuir um imóvel. Sabia que é possível? Você pode ter tudo isso investindo em fundos imobiliários com foco na renda gerada pelos aluguéis. Através deles, você investe junto com milhares de outras pessoas em grandes imóveis comerciais.

O investimento inicial é baixo e o investidor pode começar comprando apenas 1 cota. Normalmente, R$ 2,00 já são o suficiente para você entrar neste mundo.

3 – Mercado de ações 

Sabe-se que, quem procura ideias de renda extra ou fontes de renda passiva está procurando formas de ganhar dinheiro para, quem sabe um dia, desfrutar de uma vida mais confortável.

Uma boa ideia de investimento, e que já faz parte do nosso cotidiano, é o mercado de ações.
Acredite ou não, mas hoje é possível começar a comprar ações mesmo com pouco dinheiro. Porém, é preciso ser ser cauteloso, acompanhar as tendências do mercado e, claro, estudar sobre o tema.

4 – Criar um blog

Essa é uma das ideias de renda extra mais populares. E é também uma das mais antigas. Não pense que criar um blog é uma tarefa difícil. Todavia, vale a pena aprender e se dedicar ao projeto, assim as coisas irão fluir melhor.

Além disso, nota-se que o espaço ainda é uma das melhores formas de gerar renda passiva. Especialmente se levarmos em conta o uso de links de afiliados, cursos e posts patrocinados.

Se você optar por criar um blog, lembre-se de que um dos fatores mais importantes da equação são os seguidores e fãs. Eles se concretizam na forma de tráfego para o site. Sendo assim, mergulhe de cabeça no marketing de conteúdo.

5 – Venda de produtos digitais

Outra opção para gerar renda extra é criando e vendendo os seus próprios produtos digitais. Produtos digitais são itens consumidos e utilizados apenas por meio de um computador, como eBooks, cursos virtuais, PDFs, imagens, designs e muito mais.

O processo de criação, comercialização e venda pode ser totalmente automatizado, o que faz desta opção um verdadeiro exemplo de renda passiva.

6 – Marketing de afiliados 

O marketing de afiliados também é uma das melhores soluções para quem quer saber como ter uma renda extra. Hoje, quase todas as grandes marcas possuem programas de afiliados. Um lado negativo da coisa é que a renda passiva mensal de um afiliado é determinada com base nas comissões sobre cada venda realizada.

Por mais que alguns programas de afiliados paguem comissões bem altas, a média do mercado ainda é de 10% sobre o valor total do produto. Desse modo, se você já tem um orçamento apertado, pode ser uma boa ideia investir nos conteúdos de blog e não nos anúncios pagos.

7 – Vídeos do YouTube

Pode acreditar, se existe uma plataforma que gera renda extra todos os meses e se mostra cada dia mais lucrativa, essa plataforma é o YouTube. Você pode, além de criar seus vídeos, anunciar seus produtor na plataforma.

Hoje, existem diversas modalidades de anúncios pagos e um alcance mundial. Desse modo, anunciar no YouTube é uma mina de ouro para quem sabe criar conteúdos exclusivos e está disposto a investir em novos públicos.

8 – Criação de EBooks

Os eBooks explodiram no mercado editorial brasileiro em 2014. Ainda hoje, são muito populares entre os leitores – o que faz deles um excelente recurso para quem quer gerar renda extra. O mercado de eBooks é competitivo.

Sendo assim, você precisa trabalhar duro para criar um livro que seja bem-aceito pelo seu nicho e, claro, aperfeiçoar as suas habilidades de escrita. Todavia, é um dos melhores tipos de renda passiva do mercado, especialmente para profissionais criativos e didáticos.

Pronto! As dicas estão aí. Agora, caro leitor, basta escolher a que melhor se enquadra no seu perfil e: mãos às obras. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.